Fé sem ações é fé morta!

Anúncios

O que eu penso sobre ter fé em Deus se baseia em Tiago 2.14-26.

Nem sempre eu pude ajudar financeiramente as pessoas, ou podia e não sabia, ou me faltava fé.

Com passar dos anos eu comecei entender que dizer: “Deus te abençoe!” sem eu ter uma ação para com esta pessoa é o mesmo que nada. Eu aprendi que amar é ter ação, que Deus usa pessoas para abençoar pessoas.

Vamos ao que é dito em Tiago apenas como referência, porque podemos ver isso em toda a Bíblia. “E, se o irmão ou irmã estiverem nus, e tiverem falta de mantimento quotidiano, E algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos, e fartai-vos; e não lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito virá dai?”

Que lição podemos tirar? Que esta coisa de Deus te abençoe sem uma ação é uma fé morta.

Vou orar por você! Vamos orar por fulano(a), beltrano(a) e/ou ciclano(a).

Deus vai agir!
Vocês vão sair “dessa prova!”.
Tenha fé!
Confie em Deus!
Vamos fazer uma campanha!
Aparece na campanha X e Y que Deus irá te abençoar.

Então orar, confiar em Deus etc é mau? De maneira alguma, devemos orar, confiar em Deus sim! Mas devemos está preparado para viver como Lázaro, sim, o Lázaro da parábola “O Rico e Lázaro”. Se tivermos dispostas a servir a Deus só na bonança que amor é este para com Deus? E o que falar de Jô? Homem íntegro e mesmo assim perdeu tudo.

O que nos falta é uma junção entre fé e obras!

Devemos ter obras para ser salvos? Não, devemos ter obras por sermos salvos.

Quando eu disse que provavelmente eu podia ajudar e não sabia eu me baseio na história de Obadias no antigo testamento onde um homem se endivida para sustentar alguns profeta e livrá-los da morte se é que é a mesma pessoa que se conta mais para frente sobre a viúva que estava para perder seus filhos (pelo menos de acordo com o historiador Flavio Josefo é). Mas é real que Obadias livrou vários profetas da morte sustentando-os com pão e água e escondendo-os de Jezabel.

A verdade que escolhemos nossa própria sorte, pois da lei da semeadura ninguém escapa, embora a misericórdia de Deus é grande, o suficiente para que algumas dessas sementes se percam e não colhemos todos os maus frutos que plantamos, e a graça dele nos faz também aproveitar frutos de outros.

Porém uma coisa é certa segundo o antigo testamente, nunca faltará pobre no meio de ti, ou segundo Jesus: Os pobres estão sempre com vocês.

Anúncios

Quando eu pensava que podia ajudar eu estava lá ajudando, quando eu pensava que não podia ajudar, hoje eu acredito que me faltou amor.

Recentemente uma pessoa esteve em minha casa ao ver nossas cobertas a pessoa saiu dizendo: Deus vai abençoar vocês! Deus proverá! Alguns dias depois esta pessoa diz que iria nos visitar e passar o dia em nossa casa. E de fato ela veio e alguns dias antes ela já tinha trago um coberto que era de uso dela e neste dia ela veio com novos cobertores, algumas meias para ajudar passar o frio e luva para minha filha.

Fiquei muito emocionado vendo o cuidado de Deus por nós, é verdade que eu lembrei dos bons frutos que plantei, por outro lado eu me lembrei de minhas falhas por não ajudar X ou Y, pois esta pessoa estava me ajudando, mas provavelmente deixando de pagar alguma conta para isso, pois embora não sei totalmente sobre a vida dela, sei que não está tão excelente assim para ajudar alguém, inclusive recentemente ela contou sobre uma dívida de cartão que ela tinha renegociada.

Parece que as pessoas que se deixam realmente ser usadas por Deus são as viúvas que estão para perder os filhos, ou que a única coisa que tem é um pouco de azeite para fazer o último bolo e morrer, ou as duas últimas moedinhas ou os “samaritanos”. Enquanto eu escrevi este texto, pessoa de quem eu falava estava no varejão comprando algumas frutas para trazer para nós.

Por outro lado, vi mães pedindo socorro aos filhos para que pagassem uma enfermeira para ela, e os filhos dizendo que não tinham condições e é lamentável pois poderiam vender apenas um dos terrenos e sustentar a senhora mãe deles por anos e anos e mesmo assim eles continuariam com uma vida boa.

Talvez seja este o motivo que Jesus disse que tão dificilmente os ricos entrarão no reino dos céus, ora a palavra é clara: “Mas se alguém tem dinheiro suficiente para viver bem e vê um irmão passando necessidade, mas não mostra nenhuma compaixão, como o amor de Deus pode estar nele?

Esta mesma pessoa chega a dizer que nos ama, mas nunca demonstrou isso. AH! Você fala isso porque pessoa nunca te ajudou? Não, pelo contrário, já nos ajudou sim, só nunca me pareceu que o fez com amor, porque quem ama não iria atrapalha que outras pessoas ajudem, e é o que esta pessoa já fez, já atrapalhou que outras pessoas ajudassem.

Certa vez uma pessoa faria uma compra para nós, e esta pessoa impediu que isso acontecesse.

Não é o dizer que amamos que é o necessário, é preciso ter ação, finalizo com 1 João:

Filhinhos, vamos parar de somente falar que amamos uns aos outros; vamos mostrar isso pelas nossas ações.

Estou legislando em causa própria? Você pode entender isso, mas só está recaindo sobre mim as minhas falhas ao dizer para algumas pessoas: se precisar de mim no que eu poder ajudar eu estou aqui, em vez de ir lá, pegar a pessoa colocar no carro e levar no médico, sim aquela pessoa que eu digo que amo tanto e hoje mal consegue andar, se talvez eu tivesse até tomado uma ação de ir em vez de dizer que eu estou aqui, talvez esta pessoa não estaria nas condições que está hoje.

Deus estava com Elias na caverna e não fora dela, se somos filhos de Deus, devemos aprender o mesmo.

Que Deus tenha misericórdia de nós e nos dê graça para entender o que é amar e seguir os bons exemplos!

If you enjoyed this post, make sure you subscribe to my RSS feed!